17 e 18 de abril de 2024

transamerica expo center - são paulo/sp

BLOG

Mudar o externo não é o que transforma experiências de vida

O empresário e palestrante do SER Longlife Learning, Fernando Gabas, compartilha sua trajetória transformadora de conhecimento e a importância de encontrar as respostas em nós mesmos 

Um bom aluno, estudioso e responsável, que seguiu sempre  a cartilha da sociedade. Foi criado  para ter sucesso, constituir família. Atingiu todas essas metas e das conquistas materiais, chegou a um ponto em que julgava ter alcançado tudo o que buscava, desde criança. Afinal, é como a sociedade condiciona as pessoas: conquistar coisas.  Mas, ao mesmo tempo, internamente as turbulências eram muitas e a mente nunca se acalmava. Não existia um minuto de paz e lá estava ele sempre ansioso, antevendo problemas e remoendo experiências negativas do passado. Faltava o bem viver.  Era isso. 

Essa narrativa é parte da história de vida de Fernando Gabas, empresário nas áreas de saúde, sustentabilidade e educação e também um dos palestrantes do SER Longlife Learning, mas poderia ser a história de muitos outros homens e mulheres contemporâneos. Gabas experienciou aos 33 anos, no auge de sua carreira, que coincidiu com o ápice do seu stress, o rompimento de um grave aneurisma, que apesar de toda dificuldade e risco da época, serviram como um gatilho para uma transformação interna. A jornada escolhida para consolidar esse processo foi o conhecimento.  Foram diversos cursos em vários lugares do mundo e uma série de experiências vivenciadas, que mudaram substancialmente a sua forma de ver o mundo e viver. 

“Quando olho ao meu entorno e vejo a dor,  a insatisfação das pessoas, eu lembro exatamente como fiquei.  Muitos chegam ao ponto de perder o prazer pela vida, perder o encantamento pelo ser, essa coisa deliciosa de viver e sentíamos quando crianças. Mesmo com os altos e baixos – mais baixos do que altos, eu pensava que aquilo era vida”, enfatiza. 

De acordo com Gabas, obviamente não é preciso uma experiência tão traumática e drástica para cair na real, mas muitas vezes é a única forma. Isso porque a maioria das pessoas tende a buscar uma estratégia errada para encontrarem o que as fazem bem e felizes: buscar fora o que só vão encontrar dentro delas. E isso ocorre por um próprio condicionamento da sociedade. A educação tradicional dedica  99% do tempo aos ensinamentos de disciplinas externas, como matemática, idiomas, história, geografia, conhecimentos específicos; e nada sobre o indivíduo, mente humana, emoções, pensamentos e o que é essa total consciência.

“Não faz sentido pensar que mudando o fora transformaremos a nossa experiência de vida. Já que é em nós que sentimos os nossos desprazeres, alegrias, felicidades, angústias, etc.  É algo que não faz sentido quando fazemos uma análise objetiva inclusive. Afinal, a vida se passa dentro de nós”, explica. 

E é exatamente esse despertar da consciência do ser independente do ter, que está entre as propostas do SER. De acordo com Márcia De Luca, curadora do evento, esse é o objetivo da iniciativa, ensinar tudo isso que está faltando nas escolas.

“A minha missão é inspirar pessoas no caminho do autoconhecimento, autotransformação, evolução e expansão de consciência, que é, aliás, o mesmo objetivo desse evento. Acredito que as pessoas têm que estar permanentemente aprendendo para irem em busca de sua melhor versão, que não está no mundo lá fora, mas dentro de cada um de nós”. 

Gabas estará presente no evento em dois momentos. O primeiro será em uma mesa-redonda, no dia 07 de junho, mediada pela especialista em Desenvolvimento Humano Ana Raia, para discutir o poder do mindfulness na educação, na neuroplasticidade e no stress. Em sua participação o empresário contará um pouco da experiência com a ONG criada para levar às crianças conteúdos de mindfulness e meditação e, desta forma, auxiliá-las a verem o mundo de uma maneira diferente. Só em 2022 a ONG viabilizou o acesso  a conteúdo sócio emocional de maneira gratuita a mais de 1,8 milhão de crianças.  Participam ainda desta discussão Daniel Castanho, da Anima Educação; e Dr. Rodrigo Duprat, cirurgião plástico e atuante na Medicina Integrativa. 

Já no segundo dia, trará uma interessante explanação sobre “Viver em Flow – por que é importante e como experienciar esse estado”. A ideia da seção é abordar como esse novo estado do ser – o flow – está inserido no fluxo da vida e é responsável por trazer o equilíbrio. Gabas apresentará a teoria e exercícios que podem ser feitos, em qualquer lugar, para entrar no flow. 

“Sou apaixonado pelo evento e fiquei encantado com a proposta desde o começo. Vejo necessidade muito grande dessas discussões. Não que antes não houvesse problemas emocionais, mas a pandemia realçou esses padrões e esses desconhecimentos das tecnologias interiores. As pessoas hoje permitem-se dizer e contar sobre todas essas inquietações. O propósito do evento é extremamente necessário. Tenho certeza que será um sucesso”, finaliza. O SER Longlife Learning, promovido pelo Transamérica Expo Center, acontecerá nos dias 18 e 19 de outubro de 2022, tendo como tema central “Consciência – Um novo paradigma”.

Contato

Redes Sociais