17 e 18 de abril de 2024

transamerica expo center - são paulo/sp

BLOG

Transamérica  Expo Center reúne força executiva feminina

Mulheres de grande representatividade no mundo corporativo juntaram-se às lideranças femininas dos eventos proprietários do Transamérica Expo para celebrar dia internacional da mulher e vivenciar uma experiência de gastronomia, bem-estar e autocuidado, além de serem apresentadas ao SER Longlife Learning

Celebrar as conquistas femininas e, ao mesmo tempo, proporcionar uma experiência única de relaxamento, autocuidado, e bem-estar foi o objetivo Transamérica Expo ao reunir importantes lideranças femininas em um almoço em São Paulo. O encontro, que aconteceu em comemoração ao Dia Internacional das Mulheres, foi promovido pelo time de eventos proprietários – liderado também por mulheres. 

A ideia foi em uma atitude de sororidade e empatia, tirar essas executivas da correria do dia a dia e proporcionar uma nova experiência. Além disso, o encontro acabou marcando também o anúncio da retomada dos eventos presenciais e da realização do SER  Longlife Learning, que terá sua primeira edição em 18 e 19 de outubro de 2022. 

Segundo Renata Camargo, gerente de novos negócios do Transamérica Expo, a busca pela qualidade de vida tem sido cada vez mais importante no dia a dia das mulheres, que como sabemos não têm uma jornada fácil e precisam equilibrar diversos papéis, tornando essa rotina muito exaustiva. “Esse momento de vivenciar uma degustação diferente, um autocuidado, bem como pílulas de bem-estar é muito importante e fizemos questão de proporcioná-lo para essas grandes mulheres”, ressalta Renata. 

Márcia De Lucca, curadora do SER Longlife Learning, conduziu uma experiência sensorial junto às participantes com uso de óleos, visando proporcionar um momento de relaxamento e até uma reflexão de quanto essas atitudes fazem a  diferença no dia a dia. A estudiosa de Yoga, Meditação e Ayurveda enfatizou a força feminina e dependência que o universo tem das mulheres.

“ Temos em nossas mãos o poder de transformar o lugar comum. Estamos vivendo muitas dificuldades. E, podemos criar uma bolha dentro dessa nova era de calamidades que os indianos acreditam estarmos vivendo. Nós mulheres temos que nos unir nessa irmandade, pois temos que ter o conhecimento, sabedoria e o autocuidado para mudar o mundo. Afinal, essa nova era será liderada pela consciência, que é um novo paradigma”, enfatiza Márcia.

Contato

Redes Sociais